5 Dicas de Layout para o Seu Site Converter Mais

Um bom Design para Conversão faz com que as chances de se transformar um usuário do seu site em lead aumentem. Mas, para isto, existem técnicas específicas a serem aplicadas na hora de desenvolver o seu layout.

Confira agora dicas dos melhores profissionais de marketing digital sobre como adequar o design do seu site para otimizar a sua taxa de conversão.

Mas, antes de mais nada, vamos entender…

O que é Conversão?

Conversão é conseguir transformar o usuário do seu site em uma oportunidade de negócio. É despertar o interesse dele, no intuito de obter alguns de seus dados. Desta forma, este usuário estará lhe fornecendo uma espécie de autorização para que você mantenha contato com ele”.

João J. (Analista de Inbound Marketing da Cia Web Sites)

E agora, vem a parte mais importante…

Como Aproveitar as Oportunidades?

As pessoas utilizam a internet o tempo todo e visitam uma infinidade de sites. Mas, como aproveitar, de forma mais efetiva, o breve contato do cliente com o seu site?

Ter muitos visitantes nem sempre é sinônimo de muitas vendas. Pouco importa o fato de seu site possuir muitos acessos, sendo que os visitantes não se sentem à vontade para realizar ações dentro dele. Como já citamos, converter significa fazer com que os visitantes se tornem clientes ou possíveis clientes.

A conversão só se caracteriza quando um visitante fornece alguma forma de contato ou realiza alguma compra dentro do seu site. E para ampliar as suas chances de conversão, separamos 5 dicas que achamos cruciais para conseguir mais contatos e gerar mais vendas.

Como Aumentar a sua Taxa de Conversão?

1 – Não distraia o seu cliente

A máxima incontestável dos layouts funcionais é: “menos é sempre mais”. Ao criar um site, fique atento à quantidade de informações e opções que você irá oferecer ao usuário. A ideia é que o layout do site seja otimizado de forma a guiá-lo, fazendo com que ele execute as ações que você pretende que ele faça.

Sendo assim, se a principal ação que o cliente deve realizar é a pesquisa de algum produto e depois entrar em contato com um consultor, é preciso que estas opções fiquem em evidência. Assim, o cliente não se distrai com informações que não sejam relevantes.

Para exemplificar, veja o comparativo dessas duas telas. Em qual delas você acredita que o cliente conseguiria pesquisar mais facilmente por um produto?

Layout Otimizado para Conversão

2 – Use adequadamente o Call to Action

O Call to Action ou CTA é a chamada para uma determinada ação que o cliente deve executar no site, e é uma das principais formas de se converter um usuário em lead. Em geral, nos layouts, os CTA’s são usados por meio de botões. É importante focar seus esforços para fazer um bom trabalho de Call to Action na hora de otimizar o design do seu site.

Manter a identidade entre os botões é muito importante para educar os clientes sobre cada ação que um determinado botão realiza. Por exemplo, se para o botão “Comprar” foi usada a cor verde, e para o botão “Cancelar” a cor vermelha, este padrão deve se repetir em todo o site para não confundir o usuário. Todas as ações de confirmação de algo devem ter sempre a mesma cor, e o mesmo deve acontecer para as ações de cancelamento.

Veja abaixo o exemplo de como ficam confusos os botões quando não se segue um padrão de cores:
Padrão Botões para Conversão

Não exagerar nos CTA’s também é muito importante. Como vimos anteriormente, menos é mais, e usar muitos botões de ações pode acabar confundindo o cliente sobre qual ação ele deve executar.

3 – Escolha e use cores pertinentes

As cores podem ter significados distintos, dependendo do contexto cultural ao qual estão inseridas. Além disto, elas podem ser interpretadas de maneira diferente por cada indivíduo, dependendo das experiências prévias, das crenças e dos valores de cada um. Portanto, o uso das cores deve estar orientado ao que se pretende transmitir em cada site. É importante atentar-se para os pontos:

  • Respeito à identidade da marca.
  • Exploração dos padrões de interpretação das cores.

A Psicologia das Cores

Alguns padrões de comportamento do nosso cérebro em relação as cores foram traçados ao longo dos anos por psicólogos e terapeutas. Em geral, existem dois padrões mais conhecidos: a separação em cores quentes e cores frias. As cores quentes são próximas ao vermelho e ao laranja, e tem relação com sensações de euforia, alegria e descontração. Também são ótimos estimuladores de apetite.

Já as cores frias são mais parecidas com o azul e o roxo, e estão ligadas à sobriedade e ao relaxamento. Podemos explorar o uso destas cores para criar ambientes virtuais de acordo com a sensação que se espera transmitir ao cliente e com o tema sobre o qual estamos tratando.

Cores Design para Conversão

Usando as cores da empresa

No caso de sites institucionais, a paleta de cores escolhida deve também refletir a imagem da instituição. Com o uso das cores padrão da empresa, é possível criar um ambiente online que cative o cliente e faça-o entender que aquele site é parte do ambiente da empresa, gerando confiança e credibilidade.

4 – Explore melhor o uso das fotos

As fotos são usadas para quebrar a monotonia e dar mais vida aos layouts. Elas podem ser aplicadas para valorizar detalhes de um produto, entre outras funções. Fotos com pessoas funcionam de forma a humanizar mais o site. Portanto, procure aprimorar o uso das fotos.

No caso do e-commerce, dedique um tempo para escolher fotos de boa qualidade e que valorizem seus produtos. Capriche também na quantidade, para mostrar o máximo de detalhes que puder do que está sendo vendido. No caso de sites de empresas que vendem serviços, imagens de pessoas exercendo atividades relacionadas ao negócio podem gerar mais proximidade entre a empresa e os clientes. Isto pode gerar bons resultados ao aumentar a taxa de conversão do seu site.

Perceba como o uso de boas imagens torna um site atrativo:
Layout para Conversão com Fotos

5 – Repense o mobile

Proporcionar uma experiência agradável para o cliente, mesmo que ele acesse seu site pelo celular, é extremamente necessário. Isto tem se tornado cada vez mais importante devido ao crescimento do uso da internet via smartphones e tablets nos últimos tempos. Segundo números do IBGE, este tipo de acesso já supera aqueles realizados via computador. Portanto, é de extrema importância otimizar o layout do seu site para os acessos vindos de dispositivos mobile, para que ele possa gerar conversões para você.

Você pode fazer isto criando sites responsivos, que se adaptem bem ao tamanho da tela destes dispositivos. Lembre-se que você deve fazer a otimização tanto do layout quanto dos Call to Action. Em um site responsivo é bem importante que ações como “Ligar para a empresa” ou “Falar com um consultor”, por exemplo, estejam em locais de fácil acesso. Perceba que, uma vez com o celular em mãos, o cliente está muito mais propenso a fazer o contato. Principalmente se este contato puder ser feito com um único clique.

Ações que devem ser evidenciadas em um site para dispositivos móveis

  • Integrar o site com a chamada de telefone.
  • Colocar acessos fáceis ao endereço e ao mapa para o local da empresa.
  • Usar a localização do cliente para exibir as lojas mais próximas dele.

Com estas ações, você terá a oportunidade de orientar melhor o cliente a partir dos recursos oferecidos pelo dispositivo dele. Assim, você conseguirá informações mais precisas sobre o seu público, aumentando as suas chances de conversão.

Otimizar um site para converter mais vai muito além do que vimos até aqui, mas estas dicas podem ser um bom começo para uma estratégia de conversão de sucesso. Experimente implantá-las em seu site e depois nos conte os resultados.

Fique atento e não perca outras novidades do Cia News!

Artigos Relacionados



nayara

nayara

Sou designer de interfaces e completamente apaixonada pelo que faço. Gosto de livros e de gatos. Acredito na filosofia para abrir a mente e claro, café, muuuuuito café, para mantê-la funcionando.

Comentários

O que é: design responsivo

A internet vem se tornando um dos meios de comunicação mais importantes do mundo, justamente pela capacidade de alcançar tantas pessoas e ao mesmo tempo integrar todas as áreas em um lugar só. Seja para fins pessoais de relacionamentos, negócios, estudos ou diversão, a internet é constantemente acessada a cada segundo, basta olhar ao seu redor, no ônibus, nas ruas, nos restaurantes… e perceber quantas pessoas estão olhando para o celular.  É incrível perceber o número de pessoas que hoje simplesmente não vivem mais sem esse dispositivo móvel, não é mesmo? Você também faz parte dessa nova realidade!

Senta que lá vem história

A sociedade mudou e os seus hábitos de consumo também. Segundo uma pesquisa do Ebit, quase 70% dos brasileiros já realizaram compras pelo celular ou tablet e de acordo com a Agência Brasil 74% consideram a comodidade e o preço como as melhores vantagens de se comprar na internet. Esses dados do e-commerce brasileiro só crescem, o que obriga as empresas a se adaptarem às novas tecnologias

Mas afinal, o que isso tem a ver com design responsivo? Simplesmente tudo. Principalmente se você for dono de empresa, loja ou blog, é importante que entenda: Sites que não tenham design responsivo tendem a perder muitas possibilidades de serem vistos, e consequentemente perdem vendas e potenciais leitores. O Google, já há algum tempo, vem mostrando os resultados de buscas realizadas em smartphones, de acordo com a existência ou não da versão responsiva do site, ou seja, aqueles sites que não tem versão responsiva são desclassificados e não aparecem nos primeiros resultados. Se o usuário acessa o seu site pelo tablete ou smartphone e não tem uma boa experiência, as chances de ele sair do site, não voltar mais e ainda ir para o site da concorrência é gigante.

Direto ao ponto: o que é design responsivo

Já aconteceu de você entrar em um site pelo celular e o site aparecer pequenininho na tela, com as letras e as imagens muito pequenas, praticamente impossíveis de ler e entender do que se trata? Esse é um exemplo de um site sem design responsivo. Design Responsivo é uma técnica de criação para web, em que o site automaticamente se adapta a tela do usuário. Os sites com design responsivo adaptam o tamanho dos elementos (textos, imagens, etc) para um tamanho que fique visível e adequado para o dispositivo que está sendo usado. Assim o usuário não precisa ficar dando zoom para ver o que está no site.

O design responsivo permite a identificação da largura de cada dispositivo e consegue determinar quanto de espaço está disponível e como a página será exibida para que esses espaços sejam totalmente aproveitados. Todas as imagens, fontes e demais elementos também são ajustados para que não fiquem desalinhados. Resumidamente, é um único site que poderá ser acessado de qualquer dispositivo, mantendo à resolução perfeita. Muitas pessoas confundem design responsivo com versões mobile mas há uma série de diferenças. Vamos entender quais são?

Site com design responsivo x versão mobile

Sites com design responsivo são completamente adaptáveis a qualquer tipo de tela. Já o mobile consiste em outro site, produzido exclusivamente para ser visitado em determinados tipos de dispositivos móveis. Ou seja, tendo um site responsivo você terá UM único site que poderá ser acessado em qualquer tela, em qualquer lugar. Já ao optar por uma versão mobile, saiba que terá dois sites diferentes, um para Desktop e outro para dispositivos móveis, ou seja, gasto e trabalho dobrado.

Vantagens do design responsivo

Existem inúmeras vantagens em optar pelo design responsivo, mas vamos citar algumas delas:

  • Aparecer para mais possíveis clientes, pois o número de pessoas que optam por dispositivos móveis só cresce
  • A experiência do usuário se torna extremamente melhor
  • A taxa de rejeição do site diminui
  • As vendas e visitas do site podem aumentar
  • A visibilidade do site cresce diariamente

E aí pessoal, gostaram do post? Fiquem ligados que em breve postaremos mais novidades sobre o universo da web e suas infinitas possibilidades de fazer o seu negócio crescer!

Nos encontramos em breve! 😀



Arthur

Arthur

Publicitário, designer, social media, apaixonado por novidades e curiosidades aleatórias. Viciado em literatura, signos, (des)construção social e doces, é bem tranquilo, aberto e prestativo. Edredom com Netflix é seu habitat natural.

Comentários