Benchmarking: Entenda o que é e para que serve

Publicado ou atualizado em 2 junho, 2022
5 minutos de leitura
Benchmarking: Entenda o que é e para que serve

Você possui um negócio e ainda não sabe o que é o benchmarking? A seguir, entenda o que é e conheça as melhores formas de aplicar a sua empresa. 

Comece pegando a sua caneca de café e escolhendo um lugar confortável. Sendo assim entenda a importância dessa ferramenta para o gerenciamento do seu negócio. Além disso, saiba como ela pode influenciar no aumento ou queda de lucro nos procedimentos da sua empresa. 

O que é o benchmark?

Para responder uma pergunta como essa, podemos dizer ser um tipo de ferramenta ou análise de estratégias. Assim, busca analisar as práticas buscando melhorias em seus procedimentos. Além disso, essa ferramenta possui algo especial, sendo usada por outras empresas do mesmo setor que o seu. 

Nesse sentido, a palavra “benchmark” significa referência. Nesse sentido, fica claro que é uma ferramenta de gestão usada para facilitar os procedimentos a alcançar uma maior produtividade. Portanto, como consequência, otimizar os lucros. 

Essa ferramenta de gerenciamento possui como foco a comparação de serviços quanto a concorrência. Nesse sentido, é uma opção indispensável para empresas que desejam se destacar entre outras. Assim, fica evidente que é possível estudar as práticas independentemente do tamanho de seu negócio.

Qual a relação do benchmark na empresa?

Como dito anteriormente, essa ferramenta visa otimizar os processos de uma empresa. Nesse sentido, serve como uma avaliação de referência a partir de empresas que possuem grande relevância no mercado.

É como realizar uma comparação constante de procedimentos e diversos outros setores. Com isso, torna-se mais simples traçar planos de melhoria para ganhar tempo e dinheiro. Nesse sentido, com essa ferramenta as empresas estão em constante comparação de estratégias. 

Como consequência, análises e comparações detalhadas permitem anular erros e perdas. Assim, é possível realizar reparos antes mesmo que algo dê errado. Portanto, ao fim do processo, a empresa fornece um produto com melhor qualidade ao seu público. 

Aplicação de benchmark na empresa?

O estudo da sua empresa te leva diretamente a estudar o  comportamento do mercado. Nesse sentido, acompanhar as referências não significa mudar todas as suas estratégias. No entanto, significa ter uma referência para a otimização de seus produtos ou serviços. Se determinada empresa trabalha dessa forma, as chances de sucesso são maiores.

Muitos pensam que a aplicação do benchmark está ligada ao ato de roubar ideias da concorrência. A partir dessa ferramenta é possível entender novas ideias, adaptá-las e aplicá-las para buscar melhorias. Com isso dá para ter noção de o que é o benchmarking.

É hora de aumentar o nível de suas vendas

Nossa longa lista de serviços ajuda você a agitar seu setor e aumentar as métricas mais importantes, como as vendas.

NOS ÚLTIMOS 5 ANOS , GERENCIAMOS MAIS DE 11,5 MILHÕES DE TRANSAÇÕES EM NOSSA BASE DE CLIENTES.
Faça uma proposta!
É hora de aumentar o nível de suas vendas

Em resumo se trata do ato de: Estudar os pontos fortes e fracos das referências de seu segmento. Em seguida adaptá-las ao marketing da sua empresa, como consequência buscar superar seus concorrentes. Além disso, os pontos fracos devem ser estudados para anular falhas e utilizá-los. 

História do benchmarking

Inicialmente, a ferramenta quando surgiu era como uma espécie de medida de comparação. Ou seja, uma métrica de desempenho entre empresas. Sendo assim, suas primeiras aparições foram registradas no japão. No entanto, não tinha grande relevância como atualmente devido a pensamentos equivocados. 

Nesse sentido, surge no Japão quando a economia passa a estagnar disparadamente. Assim, no começo da década de 1990 o benchmarking surge como uma das ferramentas de solução na depressão economia. 

No ano de 1955 o japão muda sua concepção com o uso dessa ferramenta que passa a ser relevante. Sendo assim, deixa de ser somente uma métrica entre empresas e passa a ter um poder maior. Nesse sentido, passa a acreditar em grandes soluções a partir do uso da ferramenta. 

Tipos de benchmarking

Se você gostou e deseja usar essa ferramenta em seu negócio, fique atento. Antes de iniciar as aplicações, entenda que existem diversos tipos de benchmarking. Além disso, cada um desses tipos apresenta uma finalidade diferente. Por isso, preparamos um tópico voltado ao esclarecimento de cada um deles. 

O que é o benchmarking competitivo

Quando tratamos dessa ferramenta no modo competitivo, é simples. A sua aplicação se refere a usar seus concorrentes como referência. Nesse sentido, comparar é entender como seu produto se sai em relação ao da concorrência. Assim, é possível realizar a comparação através de dados disponibilizados publicamente como faturamento e outros.

Benchmarking genérico

Aplicado em empresas de ramos diferentes com processos semelhantes. Sendo assim, é possível analisar sistemas de produção e demais outros setores semelhantes. Em resumo, nem sempre se trabalha o mesmo produto, mas é válido para encontrar melhorias em alguns pontos. 

Nós expandimos seus negócios para que você possa aproveitar os prazeres simples da vida

Melhor agência para trabalhar projetos focados em SEO

670% de aumento nas conversões de anúncios pagos

Melhor agência para trabalhar projetos focados em SEO

Aumento de 327% nas sessões do site

Melhor agência para trabalhar projetos focados em SEO

Diminuição de 321% no custo por lead (CPL)

"Melhor agência para trabalhar projetos focados em SEO. Equipe muito profissional e atendimento perfeito!"

- Caio Freitas

Peça uma proposta

Funcional

Esse tipo de benchmark é o mais conhecido, pois com ele é fácil abordar qualquer segmento. Nesse sentido, há uma busca por referências que podem ser aplicadas em qualquer negócio. Ainda sim, não é necessário que estejam no mesmo segmento ou com o mesmo produto. 

Um grande exemplo para a comparação é analisar a gestão financeira. Portanto, qual seja o segmento, deve ser realizada da melhor forma possível. 

Interno

Nesse segmento, deve ser analisado parâmetros em setores do seu negócio. Por exemplo, buscar segmentos internos como a comunicação e comparar com outras empresas. Sendo assim, podendo ser do mesmo setor que possuem esse sistema interno. 

De cooperação

Como o seu nome já diz, duas empresas trocam experiências com o mesmo intuito de melhoria. Portanto, existem princípios éticos que garantem que não sejam violadas algumas regras. Nesse sentido, o objetivo deve ser firmado somente em encontrar falhas, buscar estratégias de melhoria e outros. 

Esse é um exemplo claro de para que serve o benchmarking.

O que não fazer 

O objetivo principal dessa ferramenta é de fato causar grande mudanças de melhoria. No entanto, mudar todos os seus procedimentos sem estudos de viabilidade pode derrubar o seu negócio. Portanto, é importante estudar cada passo de acordo com as suas necessidades e realidade. 

Além disso, deve ficar claro que esse é um processo único que não deve ser repetido várias vezes.
E aí, conseguiu entender o que é o benchmark? Se você gostou do post, acompanhe o nosso blog e fique por dentro de muito mais. Aproveita e dá uma olhadinha em muitos outros conteúdos que temos prontos para você.

Top